No ar

Paróquia São Paulo Apóstolo

Caminhando com a Comunidade

11:45 - 11:59 com Paróquia São Paulo Apóstolo

Ouça ao vivo Ouça ao vivo

TEM UM ANIMAL DE ESTIMAÇÃO? ESCREVA SOBRE ELE

TEM UM ANIMAL DE ESTIMAÇÃO? ESCREVA SOBRE ELE

Zélia Maria Bonamigo
Jornalista e Antropóloga
zeliabonamigo@uol.com.br

Não é esquisito? O que os outros vão dizer se eu perder tempo com isso? Ambas as perguntas são mais comuns do que se pensa... feitas por pessoas das mais diferentes idades. Pois bem, busquemos justificativas de que eles estão enganados?

Vai me dizer que, na infância, você não colocou uma pequena cruz, entre lágrimas ou não, quando seu bichinho de estimação faleceu, ou quando sua gata deixou de viver? E quando você foi colocar uma placa com o nome completo, data de nascimento e morte, você percebeu que sabia muito pouco sobre ele... e sentiu-se estranho com isso.

– Está bem, eu não fiz nada disso – Você me responde. Mas você pode ter um animal de estimação, hoje em dia, talvez, uma bezerra, um cavalo, um cachorro, uma cabrita, uma ovelha, um furão, um sabiá, sei lá... e a única coisa que você sabe é de seu amor por ele.

No entanto, se você conseguisse escrever a história de sua vida, estaria aprendendo a fazer uma biografia, que, atualmente, pode ser pequena, mas ao longo do tempo pode se tornar importante, até se tornar livro. Veja três exemplos:

Primeiro: Em 1920, o cão Hachiko era animal de estimação do professor universitário Hidesamuro Ueno, de Toquio, Japão. O cão o aguardava, todas as noites, numa estação de trem local, no horário de sempre. Mesmo depois de Hueno ter falecido, em 1925, durante 11 anos, ele continuou a ir até lá, na esperança de que o dono chegasse de novo. Esse fato foi divulgado por vizinhos, amigos e jornalistas em diversos tipo de artigos e imagens.

Segundo: O livro Marley e eu (Harper Collins, 2005), de Grogan John, é bastante conhecido, virou filme. Tanto este livro, quanto o Alex e eu, estão disponíveis em livrarias online, como Estante Virtual, Cultura, Saraiva, Amazon, entre outras. Inspire-se.

Terceiro: O papagaio cinzento africano, Alex, foi estudado por uma profissional chamada Irene Pepperberg. Até então os cientistas achavam que papagaios só aprendiam por imitação. Após o estudo, ficou provado de que sua inteligência era de um menino de cinco anos. Além de adquirir ótimo vocabulário, soube mostrar o quanto a amava. Em resposta, a pesquisadora escreveu Alex e eu (Record, 2009), eleito um dos melhores livros de 2008.

Alex e Eu, Marley e eu são exemplos de livros escritos por quem os amavam. E você, ama seu animal de estimação? Se você conseguir escrever a vida de um animal, poderá escrever a genealogia de sua família ou uma biografia de alguém em especial.

Eu já escrevi a história do cachorro Lindão e a publiquei nesta coluna. Eu já o tinha adotado enquanto cuidava do meu pai, em Ouro-SC. Após seu falecimento, ele não tinha onde ficar. Jorge, meu esposo, o adotou também, e ele mora conosco. Está perto de mim enquanto escrevo este texto. Que companhia agradável! E sabe nos defender, se necessário.

O que você acha de escrever sobre seu animal de estimação e trazer um resumo neste espaço? Ou se preferir ler, primeiro, outras histórias, aproveite este período de pandemia, enquanto você pode estar não podendo sair de casa. Mas leia ou escreva, também, uma biografia de alguém que você admira. Vamos nessa?

 


Publicado por: Douglas Varela Data: 11/07/2020 10:18

Fotos

7251239925f09bd06bac848.43173080.jpg

...Imagem: Capa do livro Alex e eu, versão brasileira, da autora Irene Pepperberg. Crédito: Site da livraria Cultura




Principais Notícias

Publicado em 12/08/2020 09:36 por Jardel Martinazzo

CDL Capinzal realiza primeira reunião online com sua diretoria

A diretoria executiva da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Capinzal, Ouro e Lacerdópolis realizou na noite desta [...]

Publicado em 12/08/2020 08:52 por Jardel Martinazzo

Ouro registra 318 casos de Covid-19; 211 pessoas estão curadas

Ouro divulgou na tarde de terça-feira (11) um boletim atualizado sobre a situação do novo coronavírus. Foram [...]

Publicado em 11/08/2020 21:37 por Jardel Martinazzo

Vizinhos contém incêndio e evitam destruição de casa em Ouro

A ação rápida de vizinhos evitou que uma casa fosse destruída por um incêndio no final da tarde de terça-feira [...]

Outras notícias

Publicado em 12/08/2020 07:21

Coronavírus já causou sete mortes em Herval d´Oeste

Uma idosa de 94 anos é a sétima vítima do coronavírus (Covid-19), em Herval [...]

Publicado em 12/08/2020 07:15

PM prende homem que quebrou dedos da mão de mulher durante agressões

Um homem foi preso no começo da tarde desta terça-feira (11) após agressão [...]

Publicado em 11/08/2020 18:16

Coronavírus em SC: Estado confirma 109.522 casos, 97.228 recuperados e 1.619 mortes por Covid-19

Santa Catarina tem 109.522 pacientes com teste positivo para Covid-19, sendo [...]

Publicado em 11/08/2020 07:23

Educação de Piratuba divulga dados de pesquisa feita na rede municipal de ensino

A Secretaria de Educação da Capital Turística, divulgou nesta segunda-feira [...]

Publicado em 10/08/2020 08:57

Campanha Cobertor Solidário encerra nesta semana em Capinzal

A Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC) em parceria com a Rede Laço de [...]

Publicado em 10/08/2020 08:36

A COVID-19 E O NEGACIONISMO CIENTÍFICO

No Brasil vive-se, atualmente, com bastante intensidade um apego tremendo ao [...]