No ar

Rádio Capinzal

Parada de Sucessos

15:00 - 23:00 com Rádio Capinzal

No ar - Parada de Sucessos Ouça ao vivo

  • WHATS
  • JOGO SEMIFINAL
  • 01
  • 02
  • 03

HIGIENE PESSOAL

HIGIENE PESSOAL

7 (sete) – 70 (setenta) têm o intuito de mostrar, descrever e rememorar de como se vivia ha 70 (setenta) anos atrás e podermos comparar como nos portamos ou vivemos atualmente, a evolução com suas vantagens e, talvez, desvantagens.

Neste espaço vamos descrever como se vivia no interior e, até, em pequenos vilarejos. A comparação com a evolução de como se vive hoje fica por conta do caro leitor.

As mãos e o rosto a gente lavava ao se levantar e antes das refeições, quando não se esquecia e não estava apressado. Banho era no riacho e só quando se tinha que ir até o povoado, ao dentista ou estava doente, fora isso, se tomava banho aos sábados se não estivesse muito frio. (sem tirar as roupas íntimas).

Antes de ir dormir se lavava os pés em uma gamela (bacia de madeira). Era costume de um dos filhos (as) lavarem e enxugar os pés dos pais e, até, avós, um devotamento cristão de respeito com os mais idosos.

O cuidado com as unhas das mãos, somente, se cortava quando atrapalhavam nas tarefas diárias e o uso de esmalte ou similares era, praticamente, desconhecido do mundo feminino (quem usa-se não era muito vista como mulher de família) e as unhas dos pés só eram aparadas quando atrapalhavam ao calçar os sapatos ou botas.

Com os cabelos não era diferente. Os homens molhavam e penteavam e os moços usavam brilhantina para impressionar as moças. As mulheres apenas penteavam e ou mandavam fazer um permanente, onde o cabelo ficava enrolado (enriçados). O produto para lavar era sabão de soda, onde xampus, cremes, alisadores, pinturas e semelhantes eram desconhecidos. O tal de batom só era conhecido e usado na cidade grande. O que pensar de desodorantes e perfumes? Alguns usavam um perfume chamado “gauchinho”, muito forte, se sentia de longe.

Os dentes quem deveria cuidar eram os dentistas (todos práticos), pois não era costume o uso do palito e nem pensar em pasta de dente ou escavação diária. O dentista só era procurado quando a cárie estava grande e doía muito, era quando se fazia uso da pasta de dente e a escovação, sendo que existia só um tubo de pasta e uma única escova para uso coletivo da família. A pasta era da marca Kolynos, (até década de 90) com tubo de chumbo e não raro se usava como chumbada para pescar.

As roupas só eram trocadas uma vez por semana, aos sábados após o banho, ou em casos extraordinários. Para dormir, normalmente, não se trocavam de roupa, as mulheres, algumas, usavam um “beibidol” (espécie de vestido sem manga, mais solto, um pouco curto, de pano fino e leve). Havia as roupas domingueiras, uma muda (peça) de cada, usadas apenas para casos especiais, ir à missa, em batizados ou festas. Eram guardadas cuidadosamente, no retorno, com o cabide no guarda-roupa, as demais ficavam penduradas nos pregos.

As necessidades pessoais, geralmente, eram feitas na natureza, ao ar livre, no matinho, atrás de uma moita, de uma taipa, etc., e a higienização (limpeza) com folhas catadas no local. Em algumas famílias (casas) possuíam patentes (uma casinha de madeira, com buraco de no piso, construída em cima de um grande buraco cavado no chão) aí a higiene era feita com sabugo de milho e onde a família era assinante do Jornal Correio Rio-grandense, havia jornal, até acabar.

 


Publicado por: Douglas Varela Data: 08/04/2018 20:00

Fotos




Principais Notícias

Publicado em 22/09/2018 17:07 por Marlo Matielo

33 GRAUS - Estação meteorológica de Ouro registrou a quarta maior temperatura do Estado neste sábado

A Estação Agrometeorológica da EPAGRI do município de Ouro, instalada na Vila São José, registrou quase 33 graus [...]

Publicado em 22/09/2018 08:05 por Marlo Matielo

Técnico da AD AGN Capinzal disputou amistoso no Paraná pela Seleção Brasileiro de Futsal Master

Fininho, técnico da AD AGN Capinzal, disputou mais um jogo com a camisa da Seleção Brasileira de Futsal Master na [...]

Publicado em 22/09/2018 07:50 por Marlo Matielo

PM recupera no Bairro São Cristóvão veículo de Chapecó com registro de furto

A Polícia Militar de Capinzal recuperou na madrugada deste sábado, dia 22, no Bairro São Cristóvão, um veículo [...]

Outras notícias

Publicado em 22/09/2018 10:08

A RIQUEZA DA LEITURA ORANTE DA PALAVRA DE DEUS

Mas, o que é Leitura Orante da Palavra de Deus? É uma prática muito antiga [...]

Publicado em 22/09/2018 10:07

PLACA DE CARRO COM CHIP E QR CODE COMEÇA A VALER NO BRASIL

Foi oficializado que o Rio de Janeiro será o primeiro estado brasileiro a [...]

Publicado em 22/09/2018 10:04

NÃO À CAÇA COMERCIAL DAS BALEIAS

Na última sexta-feira, dia 14, autoridades de diversos países reuniram-se em [...]

Publicado em 20/09/2018 23:29

Acusado de tentar matar vereador com facada está sendo julgado em Capinzal

Valdecir Deitos, acusado de esfaquear o vereador ourense Ivonei Dambrós [...]

Publicado em 20/09/2018 19:38

Homem mente o nome durante abordagem policial no Acesso Cidade Alta e vai responder a um Termo Circunstanciado

A Polícia Militar de Capinzal atendeu uma ocorrência de falsa identidade e de [...]

Publicado em 20/09/2018 07:20

PM apreende porção de maconha durante abordagem no Santa Maria

Uma porção de maconha foi apreendida pela Polícia Militar na noite desta [...]